Posts

Futuro da energia será protagonista do All About Energy 2017

Comemorando a 10ª edição, o ​AAE recebeu o reforço trazido pelo ​CERNE ​e teve ​a estrutura temática ​reconfigurada. O foco ​agora vai para o futuro da geração renovável ​de energia e seu consumo sustentável​.

As fontes renováveis serão as ​grandes protagonistas do futuro da energia no mundo. Diante deste cenário, como se dará a sua utilização de forma sustentável? Quais rotinas, fontes e usos energéticos teremos no futuro?

Estas e outras questões importantes para o planejamento estratégico do setor de energia renovável serão debatidas no All About Energy – Congress & Expo 2017, o maior evento dedicado a estas fontes realizado na América Latina​. O encontro acontecerá entre os dias os dias 4 e 6 de outubro de 2017 no Terminal Marítimo de Fortaleza, Ceará.

Em sua décima edição, o evento foi re-concebido para atualizar, integrar e expandir os temas principais, em comum à geração a partir de fontes renováveis até ​o consumo de forma sustentável.

Nesta nova concepção, o All About Energy 2017 abordará, como tema principal comum, o futuro da energia.

Entre as novidades, além da interação entre segmentos da geração de energia renovável, também estão:​ a exposição de veículos elétricos, ​construções inteligentes como os ​condomínios solares e aplicações tecnológicas para eficiência energética, além do congresso científico com trabalhos técnicos selecionados por especialistas e ​doutores.

​Plenárias​, debates​ e exposição versarão sobre quatro quadrantes temáticos: energia eólica, energia solar, bioenergéticos (biocombustíveis, biomassa e biogás) e consumo sustentável​ (incluindo aplicações tecnológicas, veículos elétricos e eficiência energética​)​. ​

O diretor-presidente do CERNE – Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia, Jean-Paul Prates​, explica que a intenção é cruzar os debates pelos diversos segmentos, para fugir das discussões setoriais isoladas, já realizadas em outros eventos nacionais​. “Já estamos ​num estágio em que está confirmada ​a viabilidade e competitividade de cada uma dessas áreas​​. Por isso, a interação entre os desafios comuns, como também o enfrentamento de questões nacionais e até globais, são importantes para traçarmos novos horizontes”, ​diz Prates. 

Para Meiry Benevides, diretora da All About Eventos – responsável pela logística e comercialização do evento, a diversidade e a integração temática é um diferencial importante porque propicia oportunidade a fornecedores e prestadores de serviço de consolidarem suas posições junto a diversas cadeias produtivas e investidores multi-setoriais. “É um evento único, neste sentido. Permite associar a marca e a empresa ao futuro, à vanguarda tecnológica; e ainda atingir quatro ou mais segmentos de uma vez”, afirma.

All About Energy – Congress & Expo 2017 vai trazer as principais discussões sobre os cenários mundial, nacional e regional da energia renovável e do consumo sustentável, com sessões dedicadas à inovação e startups tecnológicas, além de simpósios​ com investidores globais ​voltados a projetos sustentáveis e a ​presença de autoridades internacionais do setor energético.

O evento te​m o CERNE e a empresa All About Eventos como co-realizadores.  Mais informações no site do evento:  www.allaboutenergy.com.br 

 

Oportunidades para energia solar é tema de debate pelo CERNE

Em 2017, o mercado brasileiro de energia solar deverá comemorar a produção do seu primeiro gigawatt. A entrada em operação de novas usinas e as negociações envolvendo aquisições de empreendimentos devem expandir os números do setor, que ainda cresce aos poucos no país, mas tem muito potencial a ser explorado.

No Rio Grande do Norte, líder em geração eólica, a energia solar também engatinha no segmento. Segundo dados do Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE), o estado conta com 1.105 MW (megawatts) de potência em operação e espera-se mais 106 MW em potência em projetos contratados.

Além do crescimento puxado pelas usinas solares, o Brasil tem demonstrado potencial para a instalação de placas solares em residências e indústrias – a chamada geração distribuída – um segmento que tem ganhado destaque e novos adeptos, registrando um aumento de 300% em 2016, segundo a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar).

O Presidente Executivo da Absolar, Rodrigo Sauaia, será um dos palestrantes convidados para discutir essas e outras questões no segundo encontro do Ciclo de Debates do Conselho Técnico-Científico do CERNE que será realizado dia 05 de maio, às 14 horas, no mini auditório do Instituto Federal de Educação Tecnológica do Rio Grande do Norte (IFRN) – Campus Central Natal.

O Ciclo de Debates tem como proposta debater os principais problemas que envolvem o setor de energia e recursos naturais, especialmente no Nordeste Setentrional, região de atuação do CERNE, buscando encontrar soluções que possam ser encaminhadas aos órgãos reguladores e executivos do setor. A iniciativa conta com a parceria do IFRN, FIERN e Sebrae/RN.

Além da Absolar, estarão presentes pesquisadores do IFRN e da Universidade do São Paulo (USP) que discutirão as oportunidades e desafios da energia solar fotovoltaica no nordeste em seus diversos aspectos – mercadológico, tributário, financeiro e regulatório – e a aplicação de sistemas híbridos, uma tecnologia inovadora no mercado brasileiro.

O Ciclo terá outras edições ao longo do ano. A programação completa está disponível no site do CERNE pelo endereço www.cerne.org.br clicando na imagem situada a direita da página inicial na sessão “Novidades”. Mais informações pelo telefone (84) 2010-0340. O evento é aberto ao publico e a entrada é gratuita.

Fonte: CERNE Press

Workshop internacional discute mercados sustentáveis para o setor energético

Recife sedia, entre os dias 4 e 6 de abril, o primeiro workshop internacional “Energia Renovável e Inovações Interconectadas: Mercados Sustentáveis do Século XXI”. Especialistas em energia, empresários e gestores públicos do Brasil e dos Estados Unidos tem espaço para trocar experiências visando gerar modelos de negócios e projetos comerciais entre os dois países para atender as necessidades de um setor energético em evolução.

A iniciativa é uma parceria do Governo de Pernambuco com o Consulado Geral dos Estados Unidos no Recife e com o Governo da Califórnia, estado americano considerado referência no uso de novas tecnologias para as energias renováveis.

Olavo Oliveira e o Secretário Estadual  de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco,  Sérgio Xavier. (Foto: CERNE)

Olavo Oliveira e o Secretário Estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco, Sérgio Xavier. (Foto: CERNE)

O Diretor de Tecnologia, Pesquisa e Inovação do Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE), Olavo Oliveira, participa do evento, que reúne empresas como a americana Tesla, conhecida mundialmente por desenvolver tecnologia de ponta para veículos elétricos.

“No primeiro dia tivemos debates com palestrantes nacionais incluindo o Rodrigo Sauaia (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica) e o David Hochschild e Angelina Galiteva, ambos membros do comitê de energia da Califórnia”, disse Olavo.

Olavo Oliveira e a Consulesa Americana para Assuntos Comerciais, Paloma Gonzalez. (Foto: CERNE)

Olavo Oliveira e a Consulesa Americana para Assuntos Comerciais, Paloma Gonzalez. (Foto: CERNE)

Durante o workshop foi lançado o projeto “Noronha Carbono Zero”, que pretende transformar o arquipélago de Fernando de Noronha em um local que gera 100% de sua energia através de fontes renováveis e o primeiro território livre de emissão de carbono do país.

O evento segue até esta quinta-feira (06) com uma discussão sobre políticas públicas pelo Ministério de Minas e Energia, a questão da água em relação às energias renováveis e, finalizando a programação, serão formados grupos de trabalho para a elaboração de propostas para o projeto sustentável em Noronha.

Fonte: CERNE `Press

Situação da água na região semiárida do Nordeste é tema de debate pelo CERNE

Assunto será discutido com especialistas da área no dia 29 de março em Natal.

A água é um recurso estratégico para o desenvolvimento do Nordeste, especialmente em uma região pobre como o semiárido nordestino. O clima severo e as chuvas irregulares geram eventos extremos que frequentemente resultam em secas e cheias, representando um grave risco para as atividades econômicas, em particular para a agricultura de subsistência.

No Rio Grande do Norte, ações governamentais tem buscado aliviar a situação econômica e social dos moradores em regiões afetadas pela estiagem no estado. Em fevereiro, foram repassados pelo Ministério da Integração Nacional recursos na ordem de R$9,4 milhões para contratação de caminhões-pipa que irão ajudar no abastecimento de 65 municípios do interior potiguar.

A partir desse contexto, os desafios para suprimento de água na região semiárida será o tema do primeiro encontro do Ciclo de Debates do Conselho Técnico-Científico do Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CTC-CERNE) que será realizado dia 29 de março no mini auditório do Instituto Federal de Educação Tecnológica do Rio Grande do Norte (IFRN) – Campus Central Natal.

O Ciclo de Debates tem como proposta debater os principais problemas do setor de recursos naturais e energia, buscando encontrar soluções que possam ser encaminhadas aos órgãos reguladores e executivos do setor, além de identificar potenciais parcerias entre as instituições participantes do evento.

Representantes de órgãos e instituições como a Empresa de Pesquisa Agropecuária (Emparn), Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMARH) e Universidade Federal do Rio grande do Norte (UFRN) debaterão sobre o cenário hidrológico e os enfrentamentos que envolvem os recursos hídricos no Nordeste e RN.

O Ciclo terá outras edições ao longo do ano com temas que abordam recursos naturais e energia. A programação completa está disponível no site do CERNE pelo endereço www.cerne.org.br clicando na imagem do Ciclo situado a direita da página inicial. Mais informações pelo telefone (84) 2010-0340. O evento é aberto ao publico e a entrada é gratuita.

CTC-CERNE

O Conselho Técnico Científico do CERNE (CTC-CERNE) é composto por pesquisadores e professores de diversas instituições de pesquisas e universidades do país e visa dinamizar ainda mais as ações do CERNE e dar um suporte técnico-científico nas discussões das estratégias, dos projetos e dos seus programas.

CICLO DEBATES-01

Fonte: CERNE Press

Inovação e competitividade movimentam setor elétrico em Natal

Em um período de desafios para a economia brasileira, a inovação tem sido um elemento-chave para o sucesso de muitas empresas, órgãos e instituições tanto da esfera pública quanto privada.

Com o setor elétrico não foi diferente. A partir da criação da Lei nº 9.991, de 24 de julho de 2000, as empresas de geração, transmissão e distribuição passaram a aplicar de 1% das receitas líquidas em pesquisa e desenvolvimento (P&D) e em eficiência energética. O Plano Inovar, lançado à quatro anos pelo Governo Federal, investiu cerca de 3 bilhões para apoio à inovação tecnológica no setor elétrico.

É nesse panorama que será realizado amanhã, 09 de fevereiro, o primeiro “Encontro da Inovação – Competitividade e Qualidade para o Setor Elétrico Brasileiro”, em Natal, Rio Grande do Norte. O evento propõe uma análise prática dos processos de inovação não apenas ligados à geração e distribuição, mas também nos processos e tecnologias para gestão ambiental, regulação, consumo, mobilidade e atendimento.

Lideranças empresariais e autoridades capazes de modificar o panorama do setor elétrico brasileiro vão debater, juntos, a inovação no campo da regulação, os incentivos à pesquisa e desenvolvimento existentes no país, políticas públicas vigentes, inteligência competitiva e P&D em energias renováveis.

O “Encontro da Inovação” é uma realização do Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE) e a empresa Viex Américas. A programação completa e inscrições podem ser realizadas no site do evento pelo endereço: http://viex-americas.com/conferencias/encontro-da-inovacao-setor-eletrico/
Fonte: CERNE Press

Brasil poderá conquistar primeiro gigawatt de energia solar em 2017

Ano promete ser movimentado para um mercado que, apesar de crescimento tímido no país, tem se destacado pelo potencial e competitividade. Setor será debatido durante evento nacional do setor realizado em Natal-RN.

O mercado brasileiro de energia solar deverá registrar uma série de movimentações em 2017.  A entrada em operação usinas contratadas nos últimos anos e as diversas negociações envolvendo aquisições de empreendimentos deverão impulsionar o setor, que aos poucos cresce no país, mas tem grande potencial a ser explorado.

De acordo a Associação Brasileira de Energia Solar (Absolar), espera-se que o país alcance ainda este ano a marca de 1GW (gigawatt) em capacidade instalada em usinas fotovoltaicas, patamar registrado em apenas pouco mais de 20 países.

Para o futuro, além do crescimento por meio das grandes usinas, o potencial do Brasil para a instalação de placas solares em telhados vem ganhado destaque no mercado, segmento em que o número de adeptos disparou, com alta de mais de 300% em 2016.

No Rio Grande do Norte, a produção de energia elétrica através de placas fotovoltaicas ainda é tímida. Segundo dados levantados pelo Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE), o estado conta com 2.508 MW (megawatt) de potência instalada em operação e espera-se mais 206 MW em potência contratada, ou seja, energia que será gerada a partir de novos projetos contratados nos últimos leilões.

Essas e outras questões envolvendo o setor fotovoltaico serão debatidos durante o SolarInvest 2017 – 9º Encontro de Investidores em Energia Solar, no dia 8 de fevereiro em Natal, Rio Grande do Norte. A capital do estado líder brasileiro em geração eólica, reunirá governantes, executivos e profissionais do mercado fotovoltaico para discutir o aprimoramento da regulamentação e o desenvolvimento da geração de energia solar no Brasil.

Serão debatidos temas como o potencial econômico na cadeia de produtos e serviços, a vocação e função da energia solar centralizada na matriz elétrica nacional, os efeitos projetados para o advento dos telhados solares, e exemplos de empreendedorismo no setor fotovoltaico.

O evento contará com a presença de órgãos, instituições e empresas como Governo do Estado do Rio Grande do Norte, FIERN, IFRN, Absolar, Eletrobras, BNDES, Apex, Enerbras, New Energy, dentre outros.

O SolarInvest2017 é uma realização do Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE) e a empresa Viex Américas. A programação completa e inscrições podem ser realizadas no site do evento pelo endereço: www.viex-americas.com/conferencias/solarinvest/.

Fonte: CERNE Press

Natal sedia do 9º SolarInvest e 1º Encontro da Inovação em fevereiro

Nos dias 8 e 9 de fevereiro, a cidade de Natal-RN vai sediar dois importantes eventos voltados para as áreas de energia renovável e gestão: o 9º SolarInvest e o 1º Encontro da Inovação. Os encontros serão realizados no auditório do hotel Best Western Premier Majestic, em Ponta Negra.

Em sua nona edição, o SolarInvest reunirá novamente investidores e executivos em busca do aprimoramento da regulamentação para o desenvolvimento da geração de energia por fonte solar no Brasil. O encontro visa estreitar o relacionamento entre governo e empreendedores para discutirem juntos os atuais desafios da geração fotovoltaica em seus vários aspectos.

Serão debatidos temas como o potencial econômico na cadeia de produtos e serviços, a vocação e função da energia solar centralizada na matriz elétrica nacional, os efeitos projetados para o advento dos telhados solares, e exemplos de empreendedorismo no setor fotovoltaico.

O “Encontro da Inovação, Competitividade e Qualidade” propõe uma análise prática dos processos de inovação no setor de energia elétrica, não somente no campo das tecnologias diretamente ligadas à geração e distribuição, mas também nos processos e tecnologias para gestão ambiental, regulação, consumo industrial e residencial, mobilidade e atendimento. O evento reunirá as lideranças empresariais e autoridades capazes de modificar o panorama do setor elétrico brasileiro.

Os eventos são uma realização do Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE) e a Viex Americas. Outras informações estão disponíveis pelos seguintes links:

SolarInvest: http://viex-americas.com/conferencias/solarinvest/

Encontro da Inovação: http://viex-americas.com/conferencias/encontro-da-inovacao-setor-eletrico/

Fonte: CERNE Press

Eólicas: aspectos socioambientais e legislação são debatidos em Salvador

A cidade de Salvador, Bahia, sediou nesta segunda-feira, 05 de dezembro, o Seminário Socioambiental Eólico. O evento tem como proposta reunir empresários, órgãos ambientais, representantes governamentais e especialistas em torno de um debate para encontrar os caminhos da confluência dos interesses energéticos, ambientais, sociais, históricos e econômicos que envolvem o mercado eólico no Brasil.

Foto: CERNE /Divulgação

Foto: CERNE /Divulgação

O presidente do Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE) e do Sindicato das Empresas do Setor Energético do Rio Grande do Norte (SEERN), Jean-Paul Prates, participou do seminário como mediador da sessão executiva sobre pendências legislativas ambientais para o desenvolvimento do setor elétrico.

No período da tarde, foi debatido o contexto do cenário político e as discussões que permeiam a legislação dos órgãos ambientais brasileiros na esfera estadual e federal. A nova Lei Geral do Licenciamento Ambiental (Proposta MMA), PEC 65/2012 e PL 654/2015 e propostas de resoluções do CONAMA também foram discutidas, além das impressões e expectativas do setor produtivo, dos especialistas e órgãos ambientais envolvidos.

Foto; CERNE/Divulgação

Foto; CERNE/Divulgação

Participaram da sessão executiva representantes do Ministério de Minas e Energia, Agência Estadual de Meio Ambiente de Pernambuco, Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Meio Ambiente (Abema), Promotoria de Justiça do Meio Ambiente da Bahia, Renova Energia e escritórios de advocacia especializados na área ambiental e de energia.

O seminário é uma realização da Viex Américas e conta com o apoio do Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE) e do Sindicato das Empresas do Setor Energético do Rio Grande do Norte (SEERN).

Fonte: CERNE Press

 

 

Seminário discute aspectos socioambientais do setor eólico

No dia 05 de dezembro será realizado em Salvador, o Seminário Socioambiental Eólico. O evento tem como proposta reunir os operadores de parques eólicos, órgãos ambientais, representantes governamentais e especialistas em torno de um debate para encontrar os caminhos da confluência dos interesses energéticos, ambientais, sociais, históricos e econômicos.

O seminário é uma realização da Viex Américas e conta com o apoio do Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE) e do Sindicato das Empresas do Setor Energético do Rio Grande do Norte (SEERN). O público poderá acompanhar o debate e a visão de entidades como: Ministério de Minas e Energia, ONS, EPE, órgãos ambientais dos estados e os principais executivos de empresas como CHESF, Renova, CPFL, CEMIG e Sowitec. Além disso, o seminário terá palestras de arqueólogos e dos principais nomes do direito ambiental brasileiro.

Consulte a programação detalhada em http://viex-americas.com/conferencias/seminario-socioambiental-eolico/

Fonte: CERNE Press

 

 

Simpósio vai debater a energia como protagonista do futuro

O Power Future Symposium terá como mote principal o futuro da energia, desde a sua geração a partir de fontes renováveis até seu consumo de forma sustentável.

Até 2050, a demanda de energia elétrica deverá triplicar no Brasil, segundo estimativas da Empresa de Pesquisa Energética (EPE) e do Ministério de Minas e Energia. Atendê-la de modo eficiente, sustentável e acessível aos consumidores é o grande desafio para os próximos anos.

Essas e outras questões que nortearão o destino do setor energético serão debatidas no Power Future Symposium – 1º Simpósio Brasileiro Sobre o Futuro da Energia, que será realizado no dia 24 de outubro, em Fortaleza, Ceará. O evento apresentará uma visão do futuro da energia no Brasil e no mundo, tanto do ponto de vista da oferta quanto em relação ao seu consumo de forma sustentável.

A realização do Power Future Symposium incorpora em sua programação quatro quadrantes temáticos: energia eólica, energia solar, bioenergia, e consumo sustentável. Autoridades irão debater a oferta e consumo de energia em plena era tecnológica e apresentarão as perspectivas sobre eficiência energética, construções ecológicas e mobilidade elétrica para o futuro.

Em sua primeira edição, o simpósio contará com a presença do especialista em energia e membro da Comissão Energética da Califórnia, Andrew MacAllister, que fará palestra especial sobre a energia e o mundo em 2030.

O Power Future Symposium tem o objetivo de preparar as diretrizes e temas da próxima edição bienal do All About Energy, o maior evento de energia renovável e consumo sustentável da América Latina, que será realizado no segundo semestre de 2017.

O evento é uma realização do Centro de Estratégias em Recursos Naturais e Energia (CERNE) e da empresa All About Eventos. Podem participar profissionais técnicos e investidores da área energética, proprietários de ativos com potencial energético, gestores públicos, fornecedores, acadêmicos, estudantes e colaboradores da área de energia e ambiental. As inscrições podem ser feitas no site: http://powerfuturebrazil.com/.

Fonte: CERNE Press